(45) 3029-1328

Sole Terapias e Pilates

A ACUPUNTURA AUMENTA A DISPOSIÇÃO

A ACUPUNTURA AUMENTA A DISPOSIÇÃO

Na concepção da Medicina Tradicional Chinesa, o ser humano é constituído por energia e matéria. A matéria caracteriza-se pela estrutura orgânica do corpo, e a energia, que permanece agregada à matéria, promove o dinamismo da matéria orgânica. A energia do corpo, proveniente da respiração e da alimentação, é distribuída para todas as partes do organismo, por meio dos diferentes canais de energia, tendo, primordialmente, a função de nutrir energeticamente as estruturas do corpo, assim como promover sua defesa. Quando algum agente causador de doença, como, alimentação desregrada, emoções reprimidas, estresse, fadiga, drogas, traumatismo, entre outros, ocorre uma desarmonia do sistema energético do corpo, dando início ao processo de adoecimento. O processo de adoecimento têm três estágios básicos, energético, funcional e orgânico. No estágio energético, ocorre um desequilíbrio, determinando diminuição da vitalidade, as manifestações clínicas desta fase não são detectadas em exames laboratoriais, uma vez que não atingem alterações funcionais, os […]

Na concepção da Medicina Tradicional Chinesa, o ser humano é constituído por energia e matéria. A matéria caracteriza-se pela estrutura orgânica do corpo, e a energia, que permanece agregada à matéria, promove o dinamismo da matéria orgânica. A energia do corpo, proveniente da respiração e da alimentação, é distribuída para todas as partes do organismo, por meio dos diferentes canais de energia, tendo, primordialmente, a função de nutrir energeticamente as estruturas do corpo, assim como promover sua defesa. Quando algum agente causador de doença, como, alimentação desregrada, emoções reprimidas, estresse, fadiga, drogas, traumatismo, entre outros, ocorre uma desarmonia do sistema energético do corpo, dando início ao processo de adoecimento.

O processo de adoecimento têm três estágios básicos, energético, funcional e orgânico.

No estágio energético, ocorre um desequilíbrio, determinando diminuição da vitalidade, as manifestações clínicas desta fase não são detectadas em exames laboratoriais, uma vez que não atingem alterações funcionais, os sintomas geralmente são, cansaço, cefaléia, mal-estar, enjoo.

No estágio funcional, ainda está preservada a integridade da estrutura orgânica do corpo, porém EMI_1301suas funções estarão hiper ou hipoativas. O paciente, neste estágio, apresenta manifestações clínicas relacionadas a distúrbios funcionais, com exames laboratoriais alterados.

No estágio orgânico, as alterações energéticas e funcionais, acometem as estruturas orgânicas celulares e tissulares, de tal modo que estas alterações são detectáveis nos exames anatomopatológicos, podendo ser evidenciadas hipertrofias celulares, fibroses, degenerações.

Analisando as três fases do processo de adoecimento, observa-se que a passagem de uma fase para outra ocorre de maneira lenta, havendo aceleração desses processos todas as vezes em que o paciente é novamente exposto a fatores causais do adoecimento.

Na Medicina Tradicional Chinesa, cada doente é tratado com esquema terapêutico específico, ou seja, tratam-se doentes e não doenças. Por meio dos dados obtidos pela propedêutica energética da Medicina Tradicional Chinesa, aliados aos da medicina Ocidental, pode-se detectar em qual dos estágios do processo de adoecimento se encontra um paciente. Desse modo, é possível a formulação do diagnóstico precoce e o estabelecimento de um esquema terapêutico adequado e verdadeiramente preventivo, para que se impeça sua evolução.

Dra. Elizabete Schallenberger

Written by Luana Frasson
Share It

Depoimentos

Veja o que nossos alunos relatam de nossos serviços

black
black
black